Segredos do inglês britânico: East End de Londres

06/12/2017

O sotaque britânico é por muitos considerado mais elegante e refinado do que o inglês dos Estados Unidos ou da Austrália. As suas características singulares fazem com que vários estudantes desejem aprender o inglês falado na terra da rainha. O que muitos não levam em consideração é que o inglês britânico tem diversas variações em cada uma das regiões do Reino Unido. Somente para ficar com alguns exemplos, o inglês falado em Manchester é diferente do de Liverpool, que é ainda mais distante foneticamente do que o da Escócia. Outra curiosidade é a existência de vários sotaques diferentes dentro da própria capital inglesa, a incrível Londres.
 
 metropolis-idiomas_londres_5303c0fe1e33d
 
Quem já assistiu ao clássico filme "My fair lady", irá possivelmente reconhecer alguns dos vocábulos ou dialetos aqui apresentados. No filme a personagem principal proveniente da classe proletária se submete a um curso para se tornar uma lady - termo este utilizado para se referir às mulheres da alta classe de Londres durante a era Victoriana. “My fair lady”, originalmente um romance do notório escritor Bernard Shaw, é um exemplo clássico do sotaque da região de East End London, o qual vamos explorar neste post.
 
“The East End”, literalmente o final ao leste, tem entre seus principais símbolos a torre da centenária igreja de St. Mary le Bow. A região também é associada ao termo Cockney, a forma pejorativa de referir-se à classe trabalhadora. Um ditado famoso na capital inglesa diz que "todos East Enders sao Cockneys, porém nem todos Cokneys sao East Enders."
 
Cheapside_and_Bow_Church_1837
 
Linguisticamente, o termo cockney ultrapassou a designação de classe e também se refere ao tipo de inglês falado pelos moradores de East End. Em linhas gerais, os traços característicos deste dialeto incluem o uso acentuado da parada glotal , o uso de duplas negativas e a vocalização do L (dark L).
 
Vamos agora às principais características do sotaque de East End:
 
1-      O 'h' no início da palavra não é pronunciado.
 
"Me 'ead  ! it 'ur's !” = “My head! It hurts!”
 
"i 'ate you ! " = “I hate you!”
 
2-      O som do “T” é substituído por "uh - oh".
 
"Can I 'ave a ligh'er?" = “Can I have a lighter?”
 
3-      O som do “TH” pronunciado é substituído por “V”  : 
 
Leather = / le'vah /
 
Father = / fa'vah /
 
Mother =  / mu'vah /
 
Clothes = / clo'ves /
 
Bother = / bo'vah / 
 
4-      Já com o “TH” mudo, a substituicao se faz  com  o "F "  : 
 
Thank you = / fank you /
 
Thursday : / fursday /
 
Nothing = / noffing /
 
Everything = / everyfing /
 
Sympathetic = / sympafetic /
 
Exeção da regra: palavras como "the " , "them " , "that " - o th nao é pronunciado .
 
 
5-      O “L” é pronunciado como “W”:
 
Hell = / 'EW /
 
ill = / iw /
 
Pill = / piw /
 
Phil = / fiw /
 
6-      O uso inverso do verbo “To be” referente às pessoas : 
 
"You wasn't even 'vah".  (there)
 
"I weren't 'a bad!  " (that)
 
7-      O uso de duplas negativas :
 
"" I ain't got none, mate!" 
 
8-      Uso de algumas expressões bem características:
 
 "Me missus " = my girlfriend/wife
 
"Fit" = refere-se a alguém atraente.
 
"Minger" = ugly
 
"Dosh/dough = money
 
"Up the duff " = pregnant (grávida)
 
Exemplo: "Is your missus up the duff, mate?"
 
Algumas palavras inclusive entraram para o vernáculo popular inglês como “berk”, por exemplo. Seu significado, segundo o dicionário é tolo. Frase clássica dos filmes ingleses: "he's a berk ! "
 
Atenção neste ponto se alguém te chamar de mochney”. Este é o termo usado para referir-se a pessoas que nao sao originalmente cockneys e tentam imitar um.
 
 ent1
 
9-      Gírias rimadas
 
Contudo, o que mais se associa ao Cockney, são as gírias rimadas.
 
Normalmente, a gíria rimada é criada pela substituição de uma palavra comum ou frase com duas ou três palavras que rimam com a original. A palavra original é geralmente descartada e a origem da gíria rimada se torna obscura.
 
Vejam exemplos de gírias rimadas:
 
"Would you adam and eve?"
 
eve= believe = believe it
 
 
I ain't 'eard a dicky bird”.
 
dicky - bird = bird = word
 
 
"Come on, use your loaf ".
 
Laf of bread = bread = head 
 
 
"He's telling porkies ".
 
Porkies = pork pies = pies = lies
 
 
"She's got long bacons ".
 
Bacon and eggs = eggs = legs
 
 
"He's brown bread".
 
Brown bread = bread = dead
 
 
"My plates are killing me ".
 
Plates of meat = meet = feet
 
 
"She's just had her barnet fixed”.
 
barnet fair = fair = hair
 
 bus
 
Agora que você já conhece mais sobre este característico dialeto londrino, vale a penar ver este vídeo para escutar o real Cockney accent.
 
A título de curiosidade há uma famosa novela na BBC que já está no ar por mais de cinquenta anos  chamada “The Eastenders”. Esta novela retrata a vida dos moradores do East Est de Londres, a tão conhecida região dos cockneys, salientando seu forte laço comunitário. Vale a pena assistir: é cheia de drama e divertidíssima também .
 
 Eastenders_cast_2014
 
Ficou com vontade de aprender inglês com sotaque britânico? Comece agora seu curso personalizado!
 
BAKED POTATO!
 
OBS: Baked potato = potato = later = See you later!
Wanda Saraceni
por Wanda Saraceni

Wanda Saraceni, pós-graduada no ensino da língua inglesa, morou na Inglaterra por 11 anos trabalhando com turismo e entretenimento. Foi tão a fundo na cultura inglêsa que até hoje ainda fala português com um leve sotaque britânico. Wanda gosta muito de ler, principalmente sobre autoconhecimento e o processo de evolução do ser humano. Entre seus autores prediletos estão Helena Blavatsky, Dolores Cannon e David Icke.


Leia mais